Casa da Criatividade
Canções de Piaf e bailado “O Quebra-Nozes” marcam o fim-de-semana
06-12-2018
Estatísticas

156 Visualizações

Outras Acções
Comentar Imprimir Aumentar Diminuir Restaurar

Viviane dá voz aos grandes temas da musa francesa, na sexta-feira à noite. A Companhia Jovem de Dança do Porto interpreta o clássico de Natal, no domingo à tarde.
 Duas referências incontornáveis e intemporais do mundo do espetáculo marcam o fim-de-semana em S. João da Madeira, com interpretações de grande qualidade a passarem pelo palco da Casa da Criatividade.
 As canções de Édith Piaf, grande nome da música francesa, chegam pela voz de Viviane, já nesta sexta-feira, às 22h00. O bailado clássico “O Quebra-Nozes” é interpretado pela Companhia Jovem de Dança do Porto, acompanhada pela Orquestra da Costa Atlântica, no domingo, às 18h00.
 Depois do “Novembro Jazz”, o último mês da programação de 2018 da Casa da Criatividade prossegue, assim, com propostas imperdíveis noutros géneros, abrangendo diferentes públicos e consolidando esta sala de espetáculos como uma referência ao nível da oferta cultural na região, indo ao encontro dos objetivos da Câmara Municipal de S. João da Madeira nesta área.
 «Viviane canta Piaf» traz à Casa da Criatividade os maiores êxitos do ícone da canção francesa que celebrizou temas universais como «La vie en rose» ou “Non rien de rien”, que não vão faltar neste espetáculo, assim como “Sous le ciel de Paris”, “Milord” ou “Mon Dieu” entre outros.
Esta será uma noite repleto de emoção e de algumas surpresas, em que Viviane, numa demonstração de grande versatilidade e talento, conduzirá o público aos anos 40-50 do século passado, num ambiente bem parisiense.

Bailado acompanhado por orquestra sinfónica
 
A Companhia Jovem de Dança do Porto O bailado vai encantar o público da Casa da Criatividade com uma interpretação excecional do bailado “O Quebra-Nozes”, que será acompanhada pela Orquestra da Costa Atlântica, liderada pelo maestro Luis Miguel Clemente.
Tendo como ponto de partida a história “O Quebra-Nozes e o Rei dos Ratos”, de E. T. Amadeus Hoffmann, este bailado clássico estreou em dezembro de 1892 no Teatro Marinsky, de São Petersburgo, numa criação conjunta de Marius Petipa e Tchaikovsky.
 Apresentado na quadra natalícia em diversas capitais europeias, constitui uma viagem ao mundo da fantasia, colocando em palco soldadinhos de chumbo, o Rei dos ratos e o seu exército, os Flocos de Neve e a sua Rainha e muitas outras personagens mágicas do Reino das guloseimas.
 Os ingressos para estes espetáculos estão à venda na Bilheteira Online, em https://cmsjm.bol.pt/, e nos locais habituais.

Comentar

Anónimo